Dicas para preservar e limpar porcelanato

A versatilidade de padrões, formatos e combinações, eles se destacam na escolha dos acabamentos para casa devido sua praticidade, qualidade e durabilidade. Mas apesar de serem extremamente resistentes à química, é importante ter conhecimento de que nem todos os produtos geralmente utilizados são indicados para limpar porcelanato.

Para que os seus revestimentos mantenham as características originais por mais tempo de forma geral deve-se evitar o uso de produtos que contenham ácidos ou cloro em alta concentração – tais como soda cáustica, acetona, amoníaco – pois estes podem atacar quimicamente a superfície dos produtos, deixando-os com manchas esbranquiçadas, foscas ou com distorções em relação ao brilho. Tais problemas são irreversíveis e não podem ser recuperados.

Sabão e saponáceos em pó também devem ser evitados, já que os granulados podem danificar e arranhar as superfícies dos porcelanatos, assim como as escovas e esponjas com cerdas de aço, além de torná-los mais lisos, podendo causar acidentes.

Para saber como limpar porcelanato corretamente e manter a beleza dos pisos em cada ambiente específico, separamos algumas dicas:

Como limpar porcelanato em cozinhas e áreas gourmet 

Se cair algo gorduroso, como um alimento sobre o piso, a solução mais adequada é limpar o quanto antes para evitar a impregnação. Se necessário, utilizar detergente neutro destinado para porcelanato ou ainda sapólio líquido, que também auxilia na limpeza. Os produtos devem ser diluídos em água. Em caso de respingos de bebidas (como café, sucos, cerveja, vinho etc.), é aconselhável utilizar detergente alcalino em água quente ou álcool.

Como limpar porcelanato em banheiros, suítes e lavabos

Os pisos, principalmente na área próxima aos sanitários e no box, podem ser limpos com detergente neutro para porcelanato com o auxílio de sapólio líquido diluído em água e de uma esponja macia ou fibra. Caso existam áreas muito impregnadas (principalmente na área do banho), é indicado utilizar sapólio cremoso diluído em água na proporção indicada na embalagem (deixando agir por pelo menos cinco minutos).

Como limpar porcelanato em áreas comuns

Para remover sujeiras soltas como poeira ou papel, o ideal é utilizar vassoura de pelos ou aspirador com bico de escova, que evitam arranhões sobre o porcelanato. Logo após, a limpeza pode ser realizada com uma esponja ou um pano macio úmido com detergente específico para pisos ou com produtos comuns de limpeza – como limpadores perfumados – diluídos em água. Ao final, é necessário remover o excesso com pano seco, pois os produtos podem secar sobre os revestimentos e ocasionar o surgimento de uma película de difícil remoção.

Para evitar arranhões, o ideal é adotar capachos e tapetes pequenos na entrada e saída dos acessos às áreas externas, que retêm parte da sujeira.

Como limpar porcelanato em áreas externas

A limpeza dos revestimentos em espaços ao ar livre – onde quase sempre são utilizadas peças mais ásperas e resistentes ao escorregamento – pode ser realizada com uso de detergente específico para limpeza de revestimentos aplicados nessas áreas. Devem ser diluídos em água e utilizados com o auxílio de escovas, vassouras e buchas macias, ou mesmo limpadoras de alta pressão. Em caso de manchas mais resistentes como borracha de pneu, graxa e óleo, o ideal é utilizar os mesmos produtos, porém de forma mais concentrada.